Abundância

No âmbito da ciência econômica, o termo abundância designa um estado de equilíbrio durável entre as necessidades de bens e a disponibilidade desses mesmo bens destinados a satisfaze-las. A abundância opõe-se, portanto, à escassez, um conceito central da economia.

Os economistas costumam indicar dois tipos de abundância: o das sociedades mais primitivas, nas quais o equilíbrio em abundância era atingido a um nível muito baixo, e o das sociedades de elevada produtividade, nas quais este mesmo equilíbrio é atingido a um nível elevado.

Anúncios
Esse post foi publicado em A. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s